05 novembro, 2017

A glória da 2ª reforma será maior que a da 1ª


Recentemente comemoramos os 500 anos da reforma protestante. Um momento marcante na história do cristianismo e que trouxe bases concretas para nossas vidas. Através de homens de coragem e fé, os quais a terra não era digna de tê-los o evangelho pôde ser propagado.

Em meio a seus conflitos pessoais sobre a fé em Deus e a salvação, Martinho Lutero chegava a punir a si próprio para se sentir merecedor do perdão e aceitação de Deus. Confuso e perdido empenhou-se em conhecer a Deus e sua obra de salvação por meio de Jesus Cristo. E foi assim que iniciou-se a reforma.

O estalo da salvação pela graça através da fé aconteceu com Lutero e ele percebeu que passou a vida inteira buscando algo (aceitação de Deus) que havia recebido através de Jesus. Acho que talvez você pode ter se identificado com o que eu disse. Talvez também esteja passando por isso e querendo merecer um favor que é imerecido.

O impressionante é que Lutero entendeu essas verdades e combateu o sistema de mentiras e enganos que havia na época. Num momento em que se acreditava que era possível comprar um lugar no céu, ou, receber perdão fazendo algo; Lutero foi a voz que clamou contra tudo isso e anunciava que o homem só poderia ser salvo pela fé em Jesus.

Por incrível que pareça, a reforma protestante parece que não teve êxito nenhum. Vivemos num país de religiosidade onde pessoas estão mortas espiritualmente por causa da falta de alimento verdadeiro. Não existe a figura de Cristo, pois trocaram o próprio mestre por uma campanha, um saco de sal, pedaços de madeira, um lenço, um envelope de dízimo, trocando a perfeição do Filho pelas coisas mais fúteis do mundo.

E Hoje o mundo está próximo do criador, entendendo que Deus é amor e que os ajuda, conforta e consola. Você talvez conheça pessoas que nunca pisaram numa igreja, mas são apaixonadas pelo criador. Aceitando o filho sem saber que o aceitaram... Tão próximos de Deus e tendo relacionamento com Ele de uma forma espontânea.

Hoje eu não oro pra uma segunda reforma ou avivamento na igreja, mas peço a Deus por uma reforma e avivamento no mundo. Que eles possam ver o verdadeiro sentido da salvação e se rendam ao Pai. Sei que esta será tão profunda que deixarão pra trás muitos pastores, líderes e crentes que decidiram ficar presos em seu comodismo, racismo, separatismo, fascismo, egocentrismo, legalismo, charlatanismo e em seu evangelho de mundo da fantasia (é evidente que não estou generalizando).

Parafraseando Jesus no evangelho de Mateus: as prostitutas, cobradores de impostos, doidos deste mundo, vão entrar nesse reino e assentar na mesa com Abraão, Isaque e Jacó.
A igreja (templo) não está preparada pra receber pessoas assim. Uma prostituta? Um roubador? Um gay? Isso para eles é como algo impuro. Misericórdia com o pecador pra igreja é como uma agulha no palheiro. Adoram dizer que Deus odeia o pecado mas ama o pecador.

Para mim a frase deles é: Deus odeia o pecado e o pecador. É isso que os vejo fazer. Um alcoólatra não pode ser tratado por Jesus e se recuperar aos poucos. Tem que ser no tempo do pastor. Limitam o Espírito dia após dia. Não o deixam trabalhar.

Mas a igreja (ser humano) que entende o que é igreja, está pronta para receber essas pessoas. Por isso, vamos abraçar, cuidar e amar nossos novos irmãos que vão chegar. Deus quer os loucos e perdidos. No reino de Deus é proibida a entrada de pessoas perfeitas!

Meu nome é Raphael Oliveira e eu faço parte da segunda reforma que acontecerá neste mundo.

*Raphael Oliveira é o youtuber responsável pelo canal Cherekantas Rébias e o mais novo colaborador do blog Evangelho sem Censura.




Comente com o Facebook:

1 comentários:

Invista em você

Invista em você
© Evangelho Sem Censura 2012 | Blogger Template by Enny Law - Ngetik Dot Com - Nulis