18 dezembro, 2015

O mito do pastor superman

Por Allan Felipe Freitas

Ungido do Senhor, porta-voz da palavra, profeta, autoridade espiritual, portador do dom da cura, cobertura espiritual, homem de Deus. Quem não está familiarizado com a figura de um pastor superman? Super espiritual, cheio do poder, um santo, perfeito, impecável, irrepreensível.Parece que esse tipo de pastor está cada vez mais comum, principalmente na mídia.

Contudo, sinto em lhe informar, que mesmo com títulos, quantidade expressiva de membros e horas de programação de TV, o líder espiritual não passa de um homem como outro qualquer, suscetível a falhas, erros e deslizes.

A verdade é que esse ministro ideal, que circula no imaginário popular, não existe. Pode ter título de pastor, bispo ou apóstolo, no entanto, a figura de um líder super herói não passa de um mito.

Mito são narrativas utilizadas pelos povos gregos antigos para explicar fatos da realidade e fenômenos da natureza, as origens do mundo e do homem, que não eram compreendidos por eles. Os mitos se utilizam de muita simbologia, personagens sobrenaturais, deuses e heróis. Todos estes componentes são misturados a fatos reais, características humanas e pessoas que realmente existiram.

Geralmente os mitos são criados para dar conta de fatos que não se tem explicação, é uma forma fantasiosa de explicar fatos da realidade. No senso comum, mito está ligado àquilo que é mentira, mas se passa como verdade. Há quadros de televisão, por exemplo, que exploram questões do cotidiano, se tal coisa é mito ou verdade, normalmente os quadros se apresentam desta maneira: Comer ovo faz mal a saúde. – mito ou verdade?

A indústria religiosa lucra com a imagem de pastores que mais parecem super heróis, entretanto, em nada tentam parecer com seres humanos. O jogo religioso parece fluir melhor se o líder em destaque parecer ser alguém exemplar, alguém que tem uma vida, uma família e uma conduta que todos desejam ter, alguém que opera muitos milagres, que pinta e borda com o demônio, que quando passa o paletó todo mundo cai no poder.

Cria-se uma ideia no inconsciente coletivo de que esse tipo de pastor superman, que dá espetáculo, que é diferenciado, está mais perto de Deus e que é melhor do que os demais. Há quem acredite que ele tem mais intimidade com Deus e que sua oração, além de ser mais poderosa, é ouvida mais rápido. É como se este tipo de pastor pertencesse a uma classe de gente superior as outras, mais evoluída, especial, intocável, inatingível.

Com isso, a igreja evangélica ressuscitou algo que a reforma protestante tanto combateu, a infalibilidade papal, isto é, o papa não falha, sua palavra tem o mesmo peso da palavra de Deus. Porém, hoje o que está em voga é a infalibilidade pastoral, que também não passa de um mito, pois não tem base bíblica alguma.

Todo este cenário favorece a soberba e a vaidade do líder, além de proporcionar um ambiente perfeito para a prática do abuso espiritual e da exploração da fé.

A ideia que o povão tem é que esse líder super ungido nunca adoece, afinal de contas, o seu suor cura, ele ora por tantos paralíticos e eles passam a andar, impõe as mãos sobre tantos cegos e eles passam a ver. No entanto, não é assim que acontece, basta jogar no Google para constatar que esses líderes de sucesso quando ficam doentes correm para os melhores hospitais do país, isso quando não buscam tratamento em países de 1º mundo.

Um deles precisou fazer uma cirurgia no joelho, para isso foi internado num dos hospitais privados mais caros da cidade de São Paulo. Agora fica a pergunta: por que ele não passou um dos lenços ungidos no joelho para ficar curado? Falta de fé? O lenço não cura todo mundo?

A verdade é que eles ficam doentes, traem suas esposas, e muitos etc., no entanto, tudo é feito as escondidas. Ninguém pode saber que o pastor superman adoece, peca, se entristece, sente medo, se angustia. Ninguém pode saber que o super pastor se parece com o povão, que na verdade ele é tão humano e tão falho como todas as outras pessoas.

Há tantas projeções irreais sobre a figura do pastor, tanto misticismo, tanta coisa bizarra que cabe uma breve explicação. Pastor não é alguém melhor do que a ovelha, não tem mais unção, não tem mais poder e nem te acesso diferenciado a presença de Deus.

Pastor é alguém que Deus separa para cuidar, amar, orar, instruir, e apascentar o Seu povo. Pastor é alguém que deseja se parecer com Jesus para servir as pessoas, através da compaixão e misericórdia, sentimentos expressados por Jesus nos evangelhos, é aquele gasta sua vida em prol das ovelhas, contudo não deixa de ser humano, pelo contrário, procura humanizar-se a cada dia. Obviamente, existem os maus pastores, eu, porém, desconfio que muitos destes maus pastores estejam fantasiados de superman.


Se você cruzar por aí com algum pastor superman, desconfie.



Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Invista em você

Invista em você
© Evangelho Sem Censura 2012 | Blogger Template by Enny Law - Ngetik Dot Com - Nulis